Gabriel Ishida
Gabriel Ishida
#200 Edição especial: 5 livros para abrir a cabeça sobre análise de dados
0
0

#200 Edição especial: 5 livros para abrir a cabeça sobre análise de dados

Livros que nos ajudam a fazer melhores análises

Gabriel Ishida
4 min
0
0

 ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏ ‌​‍‎‏

Estou muito feliz pelas 200 edições da minha newsletter. De lá para cá, eu troquei de plataforma da newsletter, atingi a marca de 2.500 assinantes e tive bastante contribuições de outros profissionais por aqui. Muito obrigado a você por me prestigiar e espero que continue comigo.

Além disso, sairei de férias e não teremos edições nas próximas duas semanas.

Email image

Já fiz algumas edições com dicas de livros e, para comemorar as 200 edições da minha newsletter, gostaria de renovar as recomendações. Listei os cinco livros que considero primordiais para qualquer profissional de análise de dados, independente se está iniciando agora ou se está em cargo de gestão.


Web Analytics 2.0 (Avinash Kaushik)

Considerado a principal referência na área de analytics, esse livro traz diversos insights e técnicas para se pensar análises de dados, especialmente de sites.

O autor mostra as principais métricas que devemos prestar mais atenção, como transformar números em ações através das análises de dados quantitativos e qualitativos, como extrair o máximo dos testes A/B, como fazer boas análises competitivas, como analisar engajamento social e ensina os principais fundamentos de digital analytics.

Abaixo uma entrevista que ele deu em um podcast recente.


O Sinal e o Ruído (Nate Silver)

É um dos livros que mais nos ajuda a fazer análises menos enviesadas. Me mostrou técnicas e interpretações de estatística que me ajuda a interpretar os dados e mostra os instrumentos que podem distorcer uma análise. O livro é um bom guia de como fazer análises preditivas e aborda um uso bastante famoso: a previsão do tempo.

Vale lembrar que o autor Nate Silver ficou bastante conhecido por ter acertado a previsão das eleições dos EUA em 2008 e 2012. Até esse mês, fazia parte do site FiveThirtyEight e recomendo assistir a palestra que ele deu no SXSW em 2013.


Nudge (Richard Thaler)

Esse livro é de autoria de um vencedor do Nobel de Economia. Richard Thaler é um dos poucos psicólogos a ganhar esse prêmio e foi graças ao que ele descobriu dentro da economia comportamental.

No livro, ele apresenta diversos experimentos que mostram como os indivíduos não utilizam a racionalidade quando tomam decisões envolvendo finanças. Ele também cita alguns vieses cognitivos, principalmente o viés da confirmação, que contribuem para uma visão distorcida para resolução de problemas.

Abaixo uma entrevista do autor contando um pouco sobre suas teorias.


Pensar em Apostas (Annie Duke)

A autora é campeão de poker e utiliza algumas técnicas do jogo para aplicação nos dados e negócios. Um exemplo é o que ela chama de Fator Resultante, onde nem sempre a melhor decisão produz o melhor resultado. Há sempre um elemento de sorte envolvido que não se pode controlar, além de informações não conhecidas.

Ela aponta ferramentas que qualquer um pode utilizar para aceitar a incerteza e tomar decisões melhores. Em um mundo que dificilmente aceita erros e fracassos, ela mostra que os jogadores profissionais de pôquer estão sempre à vontade com o fato de que excelentes decisões nem sempre levam a excelentes resultados, e que más decisões nem sempre levam a maus resultados.

Abaixo uma entrevista da autora sobre seu livro.


Racismo Algorítmico (Tarcízio Silva)

Resultado de anos de pesquisa, o autor mostra como os sistemas de inteligência artificial (reconhecimento facial, filtros para selfies, moderação de conteúdo, chatbots, score de crédito, etc) reproduzem resultados discriminatórios e racistas e quais instrumentos devemos usar para combater esses impactos.

O livro me abriu a cabeça sobre como os algoritmos funcionam do ponto de vista social e político. São eles que decidem, a partir de critérios dos seus criadores, o que é positivo ou negativo e perpetuam práticas que reforçam a discriminação racial. O principal ponto de aprendizado para mim foi entender que todo dado possui um viés e como a inteligência artificial impacta em nossas vidas.

Abaixo, o autor fala um pouco mais sobre o conceito de Racismo Algorítmico.

Tem alguma recomendação que marcou sua carreira? Manda nos comentários.

Fazer comentário

NOVIDADE DA SEMANA

Google supera expectativas de receita graças ao buscador

Email image

No segundo trimestre de 2023, a Alphabet (empresa dona do Google) registrou um faturamento de 62 bilhões de dólares, sendo acima da expectativa de 60,2 bilhões que os analistas do mercado previram.

O principal responsável foi a receita vinda de anúncios no buscador Google, que não sofreu com a queda geral de outros veículos como Meta e Amazon. Mesmo com a concorrência da Microsoft com o ChatGPT, o Google se apressou para lançar o BARD e isso ajudou em reter o investimento em mídia no buscador.

Vi no Meio e Mensagem